Ações para ajudar o processo evolutivo do planeta Terra (Gaia)

Ao longo da última década tenho sentido de forma crescente alguma urgência na intervenção e cooperação para a transformação do planeta Terra enquanto Ser que é (também conhecido por Gaia). Foram anos a observar cada vez mais de perto as atrocidades individuais e colectivas que se têm feito a nós seres humanos, aos animais, às plantas e a todos os recursos do planeta.

À medida que ia tendo essa tomada de consciência, fui conhecendo vários projetos, participando em inúmeras iniciativas, lendo bastantes coisas interessantes, vendo vários documentários e conhecendo pessoas e alternativas até que… chegou o momento de agir.

Fundei o Bhumi Portugal com a minha companheira e, de momento, estamos numa fase de transição de uma vida citadina desgastante, competitiva, distante de nós próprios, dos outros e da restante natureza (muitas vezes embebida em paradigmas de escassez, foco no dinheiro, no supérfluo e na crítica destrutiva) para uma vida na montanha cheia de trabalho para fazer e com muito mais para aprender.

Há duas semanas, o recebemos uma mensagem privada, na página de fãs do Bhumi no Facebook, de uma jovem mulher do distrito de Lisboa que nos pedia algumas dicas para que ela pudesse contribuir ainda mais neste processo que o planeta está a vivenciar e que nos toca a todos enquanto habitantes desta escola que é a Terra.

Após uma breve conversa com ela, senti uma enorme vontade de transformar esse momento num pequeno artigo para que outras pessoas também se possam sentir cada vez mais inspiradas em contribuir para a Evolução da Consciência de Gaia.

 

Acções que podem contribuir para a transformação do planeta Terra

 

 

São inúmeras as sugestões que te posso dar e estas acabam por estar interligadas entre si:

? Reconhece a tua Visão/Sonho. Sonha bem alto para elevares os teus padrões como se tivesses uma visão utópica de como seria a vida perfeita à tua volta e na Terra;

? Define os teus Princípios e Valores. Esses serão aqueles nos quais toda a tua vida se vai basear e que tu não vais abdicar, por mais tentadora ou horrenda que seja a situação;

? Encontra as tuas Missões, que nada mais são que os teus contributos para que a tua visão se possa, aos poucos, tornar realidade;

? Conecta te cada vez mais profundamente com pessoas que partilham dos mesmos valores e princípios que tu e, acima de tudo, da visão que tu tens ou decidiste abraçar. Isto é muito importante pois vais estreitar relações com pessoas que, juntos, poderão mover montanhas e criar iniciativas de mudança profundas. Isso resultará na ajuda e suporte a ti e aos outros que procuram o mesmo nessa transição e transformação;

? Participa em eventos que te façam crescer e desenvolver como pessoa e espírito que és. Para além de um excelente trabalho que desenvolves em ti como pessoa limitada e incompleta que és (atenção: somos todos assim), conheces novas pessoas e crias novas relações que, uma vez mais, te podem levar a experiências únicas de transformação pessoal e colectiva;

? Cria já mudanças exteriores à ti: muda a tua alimentação, torna te mais saudável e mais lúcido/a e abraça o próximo na sua limitada e incompleta forma de viver;

? Liga te à natureza e comunica com ela: seja com pessoas, com animais, com árvores e plantas, com a água, com o fogo, com o ar. Liga te aos elementos, ajuda a preservá-los e cuida deles;

? O conceito da permacultura é algo que te será muito útil: é urgente que se aproximem todo o tipo de pessoas e profissões a este conceito que nada mais é que a criação de ecossistemas permanentes e sustentáveis (não, não é agricultura);

? Cuida do teu lixo e do destino que lhe dás: tudo é útil, tudo é reciclável, tudo (ou quase tudo) é reutilizável;

? Muda de um consumismo para um consumerismo: consumo sustentável e consciente;

Tudo se pode resumir a isto: torna te cada vez mais consciente de ti, do outro e do habitat onde vives.

Isso por si só é um contributo GIGANTE para uma transformação saudável do planeta onde todos habitamos.

 

—————————————————————————————–

Se o que acabaste de ler ressoou em ti e queres dar alguma sugestão, colocar questões ou sugerir algum assunto/tema para ser abordado num artigo posterior entra em contacto comigo. Descobre como na página Contactos!

Se quiseres receber todas as semanas no teu e-mail os artigos, vídeos e eventos do Bhumi Portugal subscreve a Newsletter AQUI.

Espero-te bem,

João


 

 

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.